domingo, 5 de outubro de 2014

a irmã mais velha.

à mesa do jantar descasquei-lhe uma pêra, cortei-a em pedaços, coloquei-a num prato e dei-lhe. come a pêra miguel. não, disse ele: nã quéo. insisti. perguntei-lhe se preferia uma maçã. ele disse que sim. descasquei-lhe uma maça, cortei-a em pedaços, coloquei-a num prato e dei-lhe. come a maçã miguel. não: nã quéo. de cara zangada, olhos arregalados disse: nem penses, tens de comer fruta. a maria, sentada ao lado dele, observava em silêncio enquanto comia a pêra que ele não quis. eu e o miguel: ele tão pequenino, de cara séria, teimoso. eu: a mãe a fazer o meu papel. tens de comer a fruta. até que ela pegou na maçã dele e a trincou. -maria!, disse eu. ela não me respondeu. ela disse: que delícia! prova miguel, queres? queres provar? come como eu, se não gostares podes cuspir, está bem? prova, vá lá, prova. e ele provou. ele comeu a maça toda. ela olhou para nós com um sorriso. ela tem 3 anos e 4 meses: ela é a irmã mais velha.


7 comentários:

  1. Que fofura =) que querida e que sensata =) Tens uma filha e tanto =)

    ResponderEliminar
  2. delicio-me sempre com as histórias desta menina! :)

    ResponderEliminar
  3. Que delícia de manos fofos :) faz-me tanto lembrar a Matilde de 4 com as manas de 15 meses :) que DELÍCIA MESMO

    ResponderEliminar
  4. A Maria é mais que a irmã mais velha, é uma menina muito especial :)

    ResponderEliminar
  5. Tão bom!!!!! Para mim, ter dois filhos está a ser o apogeu da maternidade!

    ResponderEliminar