quarta-feira, 30 de outubro de 2013

as crianças que eu vejo.

está frio: 2 graus.
o parque está cheio. as crianças brincam: no escorrega, nos baloiços, na areia húmida. enchem baldes com pás e fazem castelos. o parque está cheio: quando está sol. frio. quando chove. no dia em que nevou e havia gelo. o tempo pouco importa. os pais são descontraídos: deixam-nos explorar. andar à chuva. cair. aprender sozinhos. nunca vi um grito. uma palmada. uma repreensão. descontraídos: bebem cafés.
as crianças vestem fatos quentes e coloridos. vejo meninos que ainda estão a aprender a andar em cima de pequenas trotinetes: correm as ruas sem capacete. quando os mais pequeninos caem demoram para se levantar: parecem pequenas tartarugas. no parque não há meninas pequeninas de colares, nem laços grandes no cabelo. usam cachecóis, luvas, gorros. nunca vi uma menina de vestido. no parque usam fatos que se limpam com um pano. fatos que chegam a casa cheios de lama: fatos para sujar. quando estou sentada a ver os meninos brincar vejo: crianças a serem crianças. as meninas não parecem senhoras pequeninas. os meninos saltam em cima de montes de folhas amarelas. secas. vejo meninos com mais roupa, com menos liberdade para correr, saltar: e parecem mais soltos. serenos. felizes. não sei: não sei porque é que aqui as crianças parecem mais felizes.
mas vejo.
talvez seja o que os rodeia.
pais que não estão desempregados. pais que têm tempo.
pais que estão felizes. tranquilos. que os rodeiam de serenidade.
professores que podem ensinar. que não estão longe de casa. que brincam na rua. que os rodeiam de serenidade.
talvez sejam só os meus olhos.
mas aqui vejo: crianças mais sujas e mais felizes







5 comentários:

  1. I told you!!! :)

    Gosto mt de vos saber bem por esses lados! :)

    ***

    ResponderEliminar
  2. Gostava que um dia, aqui, também fosse assim...

    ResponderEliminar
  3. Gostei tanto mas tanto deste post, sobretudo quando diz que pais nao estão desempregados, que têm mais tempo, que os professores não estão longe de casa:) e claro que as crianças são mais felizes.
    Tudo a correr pelo melhor.
    http://margaridaflordaminhavida.blogspot.pt/.

    ResponderEliminar
  4. olá:)
    vim aqui parar por indicação de uma amiga que segue este blog e me disse: é a tua cara. e é mesmo.
    nós também, eu e meu filhote de 2 anos e meio, estamos de partida para a república checa.
    vamos ter com o papá. quase 4 meses sem nos vermos, dói muito. mudar de país, custa muito.
    ele, lá longe, vai escrevendo aqui:
    http://nomoresummers.blogspot.pt/

    desejo-vos tudo de bom, espero tudo de bom, pois é como desejar a mim mesma:)

    ResponderEliminar
  5. :) gostei tanto deste post

    ResponderEliminar